Notícias

Seis dicas para comprar sua casa própria em 2015

18 de Fevereiro de 2015


O ano já começou e para algumas pessoas comprar a casa própria é uma das prioridades entre tantas promessas e resoluções que foram feitas para 2015. E para dar uma forcinha a realizar esse sonho com segurança e sem dor de cabeça, separamos seis dicas importantes para você, finalmente, ter um lar para chamar de seu.
 
Economize dinheiro: Poupar dinheiro é fundamental. Comece guardando dinheiro. Ter uma boa entrada diminui os juros e o tempo de financiamento. O ideal seria dar no mínimo 20% do valor do imóvel como entrada.
 
Faça contas: Hora de colocar tudo na ponta do lápis. Você precisa saber qual o valor que conseguiu ou que pretende juntar de entrada e qual o valor mensal que poderá gastar com o financiamento. Recomenda-se não comprometer mais do que 30% da renda familiar com o financiamento. Planejar essa etapa vai permitir saber que tipo de imóvel cabe no seu bolso – por exemplo: Pronto ou lançamento? Casa ou apartamento? Popular ou alto padrão?
 
A internet é sua aliada: Portais imobiliários são os mais indicados para você achar e pesquisar imóveis à venda. Eles otimizam as buscas e possuem informações atualizadas, facilitando sua vida na hora de comparar as ofertas e escolher o imóvel.
 
Visite feiras e stands de vendas: As feiras são uma boa oportunidade para negociar e achar uma boa oferta. No ano passado, muitas construtoras, incorporadoras e imobiliárias realizaram feiras durante todo o ano. Tudo indica que esse ano não será diferente. Se o seu interesse é por lançamentos, vale também visitar os stands de vendas dos empreendimentos que mais chamaram sua atenção. Lá você vai conseguir informações completas sobre valores e prazos.
 
Conheça as linhas de crédito: Existem diferentes tipos de financiamento disponíveis no mercado. Você pode fazer simulações para descobrir qual financiamento se encaixa melhor com seu perfil. Nos sites das instituições bancárias o serviço é gratuito e fácil. Você também pode pedir ajuda ao seu gerente do banco, que pode te orientar em todos os passos.
 
Reserve dinheiro para pagar despesas: Prepare o bolso para as despesas com papeladas na hora de regularizar a compra do imóvel. Os custos com toda documentação é alto e pode variar entre 6% a 8% do valor do imóvel.
 
Se você seguir essas dicas com certeza vai fazer um bom negócio e conseguir realizar um sonho: ter a casa própria.


Fonte: http://www.agenteimovel.com.br